O Bárbaro Liberto 

Uma narrativa de viagem e uma viagem de transformação interior. É entre esses dois pólos que oscila o novo romance de R. Roldan-Roldan, O Bárbaro Liberto (Mnaloah). O livro retoma alguns temas recorrentes na obra desse escritor que transita por todos os gêneros literários: a meta-linguagem, a obsessão pela busca da identidade, o sexo como forma de atingir o sagrado, a viagem como metáfora das errânicas da subjetividade e da própria trajetória de Roldan-Roldan, um autor que, nascido na Espanha, foi educado em Tânger (no Marrocos), e adotou o Brasil - ou, mais especificamente, a língua portuguesa do Brasil - como prática definitiva de suas andanças por diferentes línguas e culturas.

Em O Bárbaro Liberto (Mnaloah), esses temas não comparecem apenas em um plano temático na história do homem de meia-idade que subitamente rompe com seu passado, seu emprego e sua família (descritos com uma náusea de acentos satrianos) e empreende uma viagem de dimensões metafísicas; na verdade, esse périplo em direção a si mesmo impregna também a estrutura do romance, cujos capítulos alternam a meditação retrospectiva sobre os fatos que levaram a personagem à ruptura com seu mundo e o relato onírico de uma viagem cujas conotações simbólicas dosam equilibradamente verossimilhança e alegoria, experiência da alteridade, contato com outras culturas e forma de subjetivação que superam a realidade empírina por meio de um imaginário que se materializa na própria escrita do livro.

Em sua errância onírica, o herói mítico de Roldan-Rolodan caminha progressivamente em direção ao que é elementar, ao que é bárbaro - e, não por acaso, ele inicia a viagem em um avião e a termina andando por uma estrada de terra; já em suas memórias permenadas por inquietações metafísicas, o narrador parte da negatividade pura em relação ao cotidiano em direção a uma ascese em que as relações sociais são desestabilizades por um erotismo de conotações sacrificiais e libertadoras. O "bárbaro liberto" do título será, assim, a síntese dialética que, ao final desse romance, fará com que o protagonista retorne a um mundo que permaneceu inalterado em sua superfície, mas cuja essência foi modificada pela percepção renovada com que passa a ser habitado.

Editora: Lemos Editorial
Edição: 1
Autor: Rodolphe Roldan Roldan
Acabamento: Brochura
Tamanho: 20,5x14
Ano: 1999
Número de Páginas: 158
Idioma: Português
ISBN: 8574500216

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.

O Bárbaro Liberto

  • Produtos por marca LEMOS EDITORIAL
  • Modelo: 8574500216
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$ 10,00